Melhores de 2018 (diretores, atores, atrizes… e categorias técnicas)

Por André Dick

Cinematographe apresenta, a seguir, listas dos cinco melhores nas categorias principais (diretor, ator, atriz, ator coadjuvante, atriz coadjuvante, elenco, roteiro original e roteiro adaptado) e técnicas (fotografia, trilha sonora, montagem, design de produção, figurino, maquiagem, efeitos visuais e efeitos sonoros) de filmes disponibilizados comercialmente em diferentes plataformas no Brasil ao longo de 2018. Não há, nelas, ordem de preferência. O próximo post apresentará os melhores filmes do ano.

Melhor diretor

Paul Thomas Anderson (Trama fantasma), Greta Gerwig (Lady Bird – A hora de voar), Bradley Cooper (Nasce uma estrela), Sean Baker (Projeto Flórida), Alfonso Cuarón (Roma)

Melhor ator

Jay Duplass (Outside in), Joaquin Phoenix (Você nunca esteve realmente aqui), Bradley Cooper (Nasce uma estrela), Daniel Day-Lewis (Trama fantasma), Lior Ashkenazi (Foxtrot)

Melhor atriz

Juliette Binoche (Deixe a luz do sol entrar), Lady Gaga (Nasce uma estrela), Brooklyn Prince (Projeto Flórida), Sally Hawkins (A forma da água), Yalitza Aparicio (Roma)

Melhor ator coadjuvante

Christopher Plummer (Todo o dinheiro do mundo), Willem Dafoe (Projeto Flórida), Sam Rockwell (Três anúncios para um crime), Bryan Cranston (A melhor escolha), Jonas Strand Gravli (22 de julho)

Melhor atriz coadjuvante

Millicent Simmonds (Sem fôlego), Laurie Metcalf (Lady Bird – A hora de voar), Mary J. Blige (Mudbound), Olivia Cooke (Puro-sangue), Brian Vinaite (Projeto Flórida)

Melhor elenco

Trama fantasma, Mudbound – Lágrimas sobre o Mississipi, Lady Bird – A hora de voar, Três anúncios para um crime, Nasce uma estrela

Melhor roteiro original

Greta Gerwig (Lady Bird – A hora de voar), Sean Baker, Chris Bergoch (Projeto Flórida), Michael Haneke (Happy end), Rüben Ostlund (The Square – A arte da discórdia), Joel e Ethan Coen (A balada de Buster Scruggs)

Melhor roteiro adaptado

Dee Rees e Virgil Williams, baseados em romance de Hillary Jordan (Mudbound – Lágrimas sobre o Missisissipi), Brian Selznick, baseado no próprio romance (Sem fôlego), Eric Roth, Bradley Cooper e Will Fetters, baseados em roteiros de William A. Wellman, Robert Carson, Dorothy Parker, Alan Campbell (Nasce uma estrela), Aaron Sorkin, baseado em autobiografia de Molly Bloom (A grande jogada), David Scarpa, baseado em livro de John Pearson (Todo o dinheiro do mundo)

Melhor fotografia

Paul Thomas Anderson (Trama fantasma), Alexis Zabe (Projeto Flórida), Dan Laustsen (A forma da água), Bruno Delbonnel (A balada de Buster Scruggs), Alfonso Cuarón (Roma)

Melhor trilha sonora

Jonny Greenwood (Trama fantasma), Alexandre Desplat (A forma da água), James Newton Howard (Animais fantásticos – Os crimes de Grindelwald), Carter Burwell (A balada de Buster Scruggs), Justin Hurwitz (O primeiro homem).

Melhor montagem

Dylan Tichenor (Trama fantasma), Nick Houy (Lady Bird – A hora de voar), Jay Cassidy (Nasce uma estrela), Sean Baker (Projeto Flórida), Lucian Johnston e Jennifer Lame (Hereditário)

Melhor design de produção

Mark Tildesley (Trama fantasma), Stephonik Youth (Projeto Flórida), Paul D. Austerberry (A forma da água), Paul Harrod, Adam Stockhausen (Ilha dos cachorros),  Stuart Craig (Animais fantásticos – Os crimes de Grindelwald)

Melhor figurino

Donald Graham Burt (Legítimo rei), Mark Bridges (Trama fantasma), Stuart Craig (Animais fantásticos – Os crimes de Grindelwald), Julio Suárez (Zama), Sandy Powell (O retorno de Mary Poppins)

Melhor maquiagem

Animais fantásticos – Os crimes de Grindelwald, Aquaman, A forma da água, Bohemian Rhapsody, Deadpool 2

Melhores efeitos sonoros

Hereditário, O primeiro homem, Animais fantásticos – Os crimes de Grindelwald, Bird box, Jogador Nº 1

Melhores efeitos visuais

Jogador Nº 1, A forma da água, O primeiro homem, Animais fantásticos – Os crimes de Grindelwald, Aquaman

 

Melhores de 2015 (diretores, atores, atrizes… e categorias técnicas)

Por André Dick

O Cinematographe apresenta, a seguir, listas dos cinco melhores nas categorias principais (diretor, ator, atriz, ator coadjuvante, atriz coadjuvante, roteiro original e roteiro adaptado) e técnicas (fotografia, trilha sonora, montagem, direção de arte, figurino, maquiagem, efeitos visuais e efeitos sonoros) de filmes exibidos no Brasil ao longo de 2015. Não há, nelas, ordem de preferência. O próximo post apresentará os melhores filmes do ano.

Melhor diretor

Paul Thomas Anderson (Vício inerente), Alejandro González Iñárritu (Birdman), Nuri Bilge Ceylan (Winter sleep), Andrey Zvyagintsev (Leviatã), Mia Hansen-Løve (Eden)

Melhor diretor.2015

Melhor ator

Oscar Isaac (O ano mais violento), Haluk Bilginer (Winter sleep), Michael Keaton (Birdman), Joaquin Phoenix (Vício inerente), Johannes Bah Kuhnke (Força maior)

Melhor ator.2015

Melhor atriz

Julianne Moore (Mapas para as estrelas), Marion Cotillard (Dois dias, uma noite), Regina Casé (Que horas ela volta?), Jennifer Aniston (Cake – Uma razão para viver),  Emily Blunt (Sicario – Terra de ninguém)

Melhor atriz.2015

Melhor ator coadjuvante

Marcello Novaes (Casa grande), Edward Norton (Birdman), Josh Brolin (Vício inerente), Benicio del Toro (Sicario – Terra de ninguém), Roman Madyanov (Leviatã)

Melhor ator coadjuvante.2015

Melhor atriz coadjuvante

Jessica Chastain (O ano mais violento), Mia Wasikowska (Mapas para as estrelas), Emma Stone (Sob o mesmo céu), Reese Witherspoon (Vício inerente), Melisa Sözen (Winter sleep)

Melhor atriz coadjuvante.2015

Melhor roteiro original

Ebru Ceylan e Nuri Bilge Ceylan (Winter sleep), Fellipe Barbosa e Karen Sztajnberg (Casa grande), Mia Hansen-Løve e Sven Hansen-Løve (Eden), Ruben Östlund (Força maior), Alejandro González Iñárritu, Alexander Dinelaris, Armando Bo, Nicolás Giacobone (Birdman)

Melhor roteiro.2015

Melhor roteiro adaptado

Joel Coen, Ethan Coen, Richard LaGravenese e William Nicholson, baseados no livro de Laura Hillenbrand (Invencível), Paul Thomas Anderson, baseado no livro de Thomas Pynchon (Vício inerente), Richard Ayoade e Avi Korin, baseado no livro de Dostoiévski (O duplo), Charles Leavitt, Rick Jaffa e Amanda Silver, baseados no livro de Nathaniel Philbrick (No coração do mar), Scott Neustadter e Michael H. Weber, baseados no livro de John Green (Cidades de papel)

Melhor roteiro adaptado.2015

Melhor fotografia

Roger Deakins (Invencível), Benoît Debie (Love), Timo Salminen (Jauja), Christian Berger (À beira mar), Emmanuel Lubezki (Birdman)

Melhor fotografia.2015

Melhor trilha sonora

James Newton Howard (Jogos vorazes: A esperança  – O final), Daft Punk, Joe Smooth, Frankie Knuckles, Terry Hunter (Eden), Jonny Greenwood (Vício inerente), Rich Vreeland (Corrente do mal), Thomas Newman (007 contra Spectre)

Melhor trilha sonora.2015

Melhor montagem

Julio C. Perez IV (Corrente do mal), Alan Edward Bell e Mark Yoshikawa (Jogos vorazes: A esperança – O final), Douglas Crise e Stephen Mirrione (Birdman), Leslie Jones (Vício inerente), Bernat Vilaplana (A colina escarlate)

Melhor montagem.2015

Melhor direção de arte

Frank Aron Gårdsø, Ulf Jonsson, Nicklas Nilsson, Sandra Parment, Isabel Sjöstrand e Julia Tegström (Um pombo pousou num galho refletindo sobre a existência), Virginie Verdeaux (Love), Gavin Fitch, Phil Harvey, Paul Laugier, Rod McLean, Mark Scruton (Peter Pan), Brandt Gordon (A colina escarlate), Stephen H. Carter (Birdman)

Melhor direção de arte.2015

Melhor figurino

Julian Day (No coração do mar), Mark Bridges (Vício inerente), Jaqueline Durran (Peter Pan), Kate Hawley (A colina escarlate), Ellen Mirojnick (À beira-mar)

Melhor figurino.2015

Melhores efeitos visuais

Jogos vorazes: A esperança – O final, Pixels – O filme, Homem-Formiga, Star Wars – O despertar da força, Peter Pan

Melhores efeitos especiais.2015
Melhor maquiagem

Star Wars – O despertar da força, Peter Pan, Mad Max – Estrada da fúria, O destino de Júpiter, No coração do mar

Melhor maquiagem.2015

Melhores efeitos sonoros

No coração do mar, Vingadores – Era de Ultron, Jogos vorazes: A esperança – O final, Perdido em Marte, 007 contra Spectre

Melhores efeitos sonoros.2015

Melhores de 2014 (diretores, atores, atrizes… e categorias técnicas)

Por André Dick

O Cinematographe apresenta, a seguir, listas dos cinco melhores nas categorias principais (diretor, ator, atriz, ator coadjuvante, atriz coadjuvante, roteiro original e roteiro adaptado) e técnicas (fotografia, trilha sonora, coletânea musical, montagem, direção de arte, figurino, maquiagem, efeitos visuais e efeitos sonoros) de filmes exibidos no Brasil ao longo de 2014. Não há, nelas, ordem de preferência. O próximo post apresentará os melhores filmes do ano.

Melhor diretor

Richard Linklater (Boyhood) * Wong Kar-Wai (O grande mestre) * Cristopher Nolan (Interestelar) * Spike Jonze (Ela) * Pawel Pawlikowski (Ida)

Melhor diretor

Melhor ator

Ellar Coltrane (Boyhood) * Ryan Reynolds (À procura) * Leonardo DiCaprio (O lobo de Wall Street) * Michael Lonsdale (O gebo e a sombra) * Matthew McConaughey (Interestelar)

Melhor ator

Melhor atriz

Kristen Wiig (Amores inversos) * Judi Dench (Philomena) * Scarlett Johansson (Ela) * Shailene Woodley (A culpa é das estrelas) * Zhang Ziyi (O grande mestre)

Melhor atriz

Melhor ator coadjuvante

Ethan Hawke (Boyhood) * Christian Slater (Ninfomaníaca – Volume I) * Gary Oldman (RoboCop) * Robert Pattinson (The Rover – A caçada) * Richard Armitage (O hobbit – A batalha dos cinco exércitos)

Melhor ator coadjuvante

Melhor atriz coadjuvante

Lupita Nyong’o (12 anos de escravidão) * Anne Hathaway (Interestelar) * Mira Grossin (Nós somos as melhores!) * Leonor Silveira (O gebo e a sombra) * Judy Greer (Homens, mulheres e filhos)

Melhor atriz coadjuvante

Melhor roteiro original

Richard Linklater (Boyhood) * Pawel Pawlikowski e Rebecca Lenkiewicz (Ida) * Bob Nelson (Nebraska) * Spike Jonze (Ela) * Xu Haofeng, Zou Jingzhi, Wong Kar-Wai (O grande mestre)

Melhor roteiro original

Melhor roteiro adaptado

Terence Winter, baseado no livro de Jordan Belfort (O lobo de Wall Street) * John Ridley, baseado no livro de Solomon Northup (12 anos de escravidão) * Manoel de Oliveira, baseado na peça de Raul Brandão (O gebo e a sombra) * Javier Gullón, baseado no romance de José Saramago (O homem duplicado) * Jason Reitman e Erin Cressida Wilson, baseados em romance de Chad Kultgen (Mulheres, homens e filhos)

Melhor roteiro adaptado

Mehor fotografia

Thomas Hardmeier (Uma viagem extraordinária) * Inti Briones (Planeta solitário) * Robert Yeoman (O grande Hotel Budapeste) * Phillipe Le Sourd (O grande mestre) * Lukasz Zal e Ryszard Lenczewski (Ida)

Melhor fotografia

Melhor trilha sonora

Denis Sanacore (Uma viagem extraordinária) * Arcade Fire (Ela) * Hans Zimmer (12 anos de escravidão) * Richard Skelton (Planeta solitário) * Hans Zimmer (Interestelar)

Melhor trilha sonora

Melhor coletânea musical

Guardiões da galáxia * Nós somos as melhores! * O lobo de Wall Street * Mesmo se nada der certo  * Homens, mulheres e filhos

Melhor coletânea musical

Melhor montagem

Joe Walker (12 anos de escravidão) * Thelma Schoonmaker (O lobo de Wall Street) * Sandra Adair (Boyhood) * Peter McNulty e Daniel Rezende (RoboCop) * Jaroslaw Kaminski (Ida)

Melhor montagem

Melhor direção de arte

Tony Au, William Chang, Alfred Yau (O grande mestre) * Aline Bonetto, Jean-Andre Carriere, Paul Healy (Uma viagem extraordinária) * Stephan O. Gessler, Gerald Sullivan, Steve Summersgill, Anna Pinnock (O grande hotel Budapeste) * Nathan Crowley, Kendelle Elliott, Eggert Kettilson, David F. Klassen, Gary Kosko, Josh Lusby, Eric Sundhal, Dean Wolcott, Gary Fettis (Interestelar) * Dan Hennah, Simon Bright, Andy McLaren, Ra Vincent (O hobbit – A batalha dos cinco exércitos)

Melhor direção de arte

Melhor figurino

William Chang (O grande mestre) * Moa Li Lemhagen Shalin (Nós somos as melhores!) * Bob Buck, Lesley Burkes-Harding, Ann Maskrey (O hobbit – A batalha dos cinco exércitos) * Milena Canonero (O grande Hotel Budapeste) * Mary Zophres (Interestelar)

Melhor figurino

Melhor maquiagem

Virgínia * O hobbit – A batalha dos cinco exércitos * O grande Hotel Budapeste * Guardiões da galáxia * Noé

Melhor maquiagem

Melhores efeitos visuais

RoboCop * Noé * Uma aventura LEGO * O hobbit – A batalha dos cinco exércitos * Interestelar

Melhores efeitos especiais

Melhores efeitos sonoros

Transcendence – A revolução * RoboCop * Noé * O hobbit – A batalha dos cinco exércitos * Interestelar

Melhores efeitos sonoros